Blog

Ciro Nogueira concede entrevista à Rádio Cidade FM

02, Sep, 2017

O senador Ciro Nogueira (PP-PI), foi o entrevistado desta quinta-feira (31), do Jornal da Cidade da Rádio Cidade FM 87,9 MHz. Ao responder as perguntas de Kairo Amaral e Tiago Mendes, o senador que também é presidente nacional do PP (Partido Progressista), reconheceu que o país vive uma crise política e econômica sem precedentes.

Ciro Nogueira participou pela primeira vez do Jornal da Cidade de forma direta e respondeu a cada questionamento feito pelos radialistas. Ao falar da atual situação em que o país atravessa, Ciro disse que tem feito sua parte para que a economia do país seja recuperada o quanto antes “Cabe ao congresso nacional retomar essas votações para que a gente possa estar votando uma reforma política que possa estar em sintonia com a população, votar as questões econômicas para que o país possa retomar a economia; essa semana, tivemos que mudar a questão da meta fiscal, vamos fazer uma ultima tentativa na próxima semana de votar a reforma política” destacou.

Recursos para pavimentação

O senador e a esposa dele a deputada federal Iracema Portela (PP-PI), foram os parlamentares em Brasília – DF que mais destinaram recursos para pavimentação poliédrica e asfaltica nos municípios do Piauí. Obras que foram e que estão tocadas em parceria com o governo do estado e as prefeituras. Mas um dos importantes passos que deverão ser concretizados em breve se volta para a saúde publica.

“Estamos trabalhando ao lado do secretário Florentino e dos deputados aí da região para a gente fazer um grande investimento no hospital que é referência ai na região que é o Hospital Dirceu Arcoverde, temos um planejamento de investimento que é superior aos R$ 30 milhões” explicou o senador.

Os investimentos na saúde acontecerão em três etapas, na primeira o próprio Ministro da Saúde Ricardo Barros estará em Parnaíba ao lado do Secretário Florentino Neto acompanhando a liberação de projetos de estruturação dos hospitais regionais. O senador também falou da atenção básica que compete ao município, ele informou que foram destinados mais de R$ 1 Milhão para a prefeitura aplicar na saúde. Além disso, o empréstimo na Caixa para o Piauí no valor de R$ 600 Milhões também foi liberado com intermédio do senador, e vai atender à várias obras de infraestrutura no estado, incluindo Parnaíba.

Wellington Dias

“Nós apoiamos sua candidatura em 2014, indicamos a vice Dra Margarete Coêllho, e foi belíssima vitória, e que podemos estar ajudando muito o seu governo” disse Ciro.

Mão Santa

“Nós não podemos negar que apoiamos todo o mandato do ex-prefeito Florentino, mas foi vitorioso a população escolheu o prefeito Mão Santa, eu como senador, que estou vivendo um dos melhores momentos da minha vida pública conseguimos trazer montantes jamais vistos na história do meu estado, eu tenho que ter um canal com a prefeitura que é o prefeito Mão Santa para que as coisas possam acontecer via prefeitura, então eu tenho que ajudar o prefeito porque assim eu vou estar ajudando a população de Parnaíba (...) nos próximos dias estaremos recebendo o prefeito para saber quais são suas prioridades para atender sua população ” enfatizou.

Partido Progressista

“Não teremos candidatura, já está certo que iremos apoiar a reeleição do governador Wellington Dias”

Convite à Zé Filho

“É um grande amigo meu, amigo há mais de 30 anos, e que eu gostaria muito que ele retornasse para a vida pública, eu convidei e as portas do PP estão abertas para ele e para a Juliana; tem uma dificuldade que ele Zé Filho não apoia o governador Wellington Dias , tenho certeza que se não fosse isso, o Zé Filho estaria no Partido Progressista há muito tempo” comentou.

Quando foi perguntado sobre a possibilidade de indicar o nome do ex-prefeito de Teresina Silvio Mendes para o Ministério da Saúde; Ciro negou “Isso é especulação” afirmou.

Quando se referiu ao crescimento do PP no cenário político piauiense, Ciro Nogueira ressaltou que hoje já são 45 prefeituras administradas só no Piauí pelo PP, e que nos próximos dias outros prefeitos da região norte do estado deverão confirmar suas idas para o partido; Ciro não citou nomes. Mas disse que em 2018 pretende atingir um total de 60 prefeituras administradas pelo PP.

Florentino e Zé Hamilton no PP

“É um sonho meu” disse Ciro Nogueira ao falar da possibilidade de ter os dois ex-prefeitos de Parnaíba nos quadros do partido que ele comanda.

OUÇA NA ÍNTEGRA A ENTREVISTA DO SENADOR CLICANDO AQUI! 

Por Tiago Mendes

ESTREIA NA RADIO CIDADE

02, Sep, 2017

A partir dessa segunda feira, 04 de setembro a Rádio Cidade passa a contar com a participação do grande comunicador, jornalista e vereador Carlson Pessoa com o programa Flagrante. Serão diariamente 30 minutos de noticias e utilidade publica com seriedade e compromisso com a verdade.

Carlson Pessoa tem como característica marcante a irreverencia e a firmeza com que encara os problemas da Cidade. conhecedor da problemática urbana e rural, parnaibano e historicamente líder de audiência nas manhãs do radio parnaibano, ganhou a fama de polêmico por seu posicionamento inarredável em favor dos menos favorecidos e injustiçados. sua presença na radio cidade vem inaugurar uma fase de discussão e debates dos problemas da cidade agora com a oportunidade de cobrar dos gestores e de ter seus reclames atendidos em beneficio da sociedade, uma vez que sua histórica posição de oposição foi sempre combatida e agora se inverte uma vez que assume a casa legislativa como líder da situação.

espera-se que a população radio ouvinte, possa a partir de agora, contar com um porta voz dos problemas que a cidade tem acumulado ao longo dos últimos anos.

A Direção

RADIO CIDADE COMPLETA 2 ANOS

02, Sep, 2017

A Rádio cidade completa dois anos...

Já dizia Yoko Ono (ex de John Lenon): “Um sonho sonhado sozinho é um sonho. Um sonho sonhado juntos é uma realidade”. Assim parece ser a Cidade. Permeada de muitos (imensuráveis) desafios, disputas, dilemas, mas, sobretudo de esperança, esforço, resiliência, perseverança, fé nas pessoas, nas instituições, no ordenamento jurídico, no Estado de direito. Crença que de uma pequena fresta poder-se-ia abrir uma porta: um espaço plural, democrático, republicano, de direito, que contemplasse a diversidade de opiniões e a pluralidade de ideias. Assim, se é que há de se falar em ideologia, parece seria e é o que se tenta construir nesse espaço.

Acertos, erros, dúvidas e aprendizados, apoios e também oposições, adesões, divergências e até repressão. Sabíamos todos nós, desde o inicio, nunca seria ou será tão fácil nem perfeito, mas é um começo, principalmente quando se põe a “cara-a-tapa” e, na contramão das práticas tradicionais da comunicação aparelhada e institucionalizada, tenta-se produzir jornalismo participativo (popular) e ainda de opinião. Amor e ódio parecem permear a mais humana das liberdades constitucionais: a de expressão. Essa que parece só interessar quando carregada de bajulação, de mimos e “puxa-saquismos” ou nas urnas, na hora de interessar aos interesses pessoais em detrimento interesses públicos, comunitários, dos cidadãos comuns, servos das mesmas pessoas comuns (assim deveria ser) que eleitos passam a representar-nos nas esferas estatais.

A palavra dita incomoda obstante ser fato. A inteligência, a criatividade, o bom gosto, a paixão o zelo, o cuidado, o carinho o esmero, até a boa vontade e o desejo de inovar, de oferecer algo novo, atiça a ira ao tempo que também desperta a curiosidade, o interesse, a atenção, a audiência de quem sabe se dar ao direito de experimentar e construir, de viver algo novo. Não temos medo. Somos gente comum, tentando fazer diferente e não pessoas diferentes querendo fazer o comum.

Mas hoje quero lembrar da Cidade. De ambas mesmo. Desta que habitamos e amamos e da que queremos construir juntos e sempre voltados para o bem comum. Nós, homens ricos ou pobres, nobres ou plebeus passaremos, elas não. A história vai contar tudo isso que hora protagonizamos e escrevemos com sangue, suor e lágrimas, dentro do caos, da contradição que é a vida social pública ou privada. Por vezes confundida por equivoco ou descuido, por falta de atenção ou excesso de emoção, mas, sobretudo por inexperiência típica de quem tenta acertar, e o aprendizado é cruel e empírico, experimental e imprevisível. Não creio jamais que inconsequente ou irresponsável ou fruto do desleixo. Não é para esse rumo que estamos caminhando, precisamos evoluir e crescer e às vezes custa caro.

A Rádio Cidade não é mais uma. Todas são próprias e únicas. A cidade é o que a dedicação e o cuidado podem construir. Afinal, comunicar faz parte da ontologia do ser social e é condição sine qua non, para definir homem dos demais animais. É um espaço para novos talentos e também de valorização dos talentosos e históricos comunicadores. É espaço de informação, de denuncia, de cobrança, de opinião, de entretenimento, de debate, de religiosidade e fé, de esporte e lazer, de cultura e arte e acima de tudo de construção da equidade, da justiça social, do interesse publico, da profissionalização e oportunidade de novos e velhos sempre voltados para os princípios de construção da cidadania plena.

Estamos em processo e nunca estaremos prontos, mas sempre estaremos abertos as criticas e sugestões que possam contribuir com a efetivação do que é proposto e idealizado constitucionalmente e na lei da radiodifusão comunitária brasileiras como espaço democrático para discussão de temas de interesse social.

Registre-se aqui nossa gratidão a todos que fazem a Rádio cidade de Parnaíba.

Que Deus seja louvado!

João Henrique Sousa confirma pré-candidatura a governador do Piauí

22, Aug, 2017

A declaração foi dada pelo próprio ex-ministro João Henrique Sousa (PMDB) em entrevista a Rádio Cidade FM 87,9 de Parnaíba. 

OUÇA CLICANDO NO LINK ABAIXO: 

Entrevista JOAO HENRIQUE SOUSA - presidente do CNI.mp3

Anunciantes